#HaddadSim Eleições 2018 Brasil VOTE 13 | 11Out2018 14:00:50

Publicado por: Diana Balis

 43477912_2033938799962576_7648628024442617856_n.jpg#elenão VOTE 13

Vamos optar por apertar o 13 melhor que o gatilho!

Paz e tranquilidade! Brasil não precisa de governos de direita nem de Ditadura

Essa nossa melhor opção para nosso Brasil 2019.

Veja quantas coisas aconteceram no governo nos últimos anos. 

 

O PT QUEBROU o Brasil, foi?
Vamos aos dados?
Então leia. Já que não se quer ter o trabalho de pesquisar, Miguel F Gouveia foi lá e fez:

"PORQUE VOTAR EM #HADDAD13

SALÁRIO MÍNIMO:

Em 2003: R$240,00
Em 2016: R$880,00

Um aumento de 266% no período enquanto a inflação acumulada foi de 123%. Fazendo a correção, o salário de 2003 equivale a R$535,39 em 2016. Ou seja, um aumento real de 2003 pra 2016 de incríveis 64%.

Fontes: Min. Fazenda, IBGE e FGV.

IDH - ÍNDICE DE DESENVOLVIMENTO HUMANO

Em 2003: 0,695
Em 2016: 0,755

Fonte: PNUD - ONU

DISTRIBUIÇÃO DE RENDA (GINI)

Em 2003: 0,586
Em 2016: 0,491

O índice GINI mede o grau de desigualdade de um país. Quanto mais próximo de 1, mais desigual é.

Fonte: IBGE

EXTREMA POBREZA

Em 2003: 10,5% (Banco Mundial) 17,5% (IBGE)
Em 2016: 4,2% (Banco Mundial) 9,2% (IBGE)

O Banco Mundial e o IBGE usam rendas diferentes para critério de extrema pobreza. Em ambos percebemos uma queda acentuada (60% e 47,4% respectivamente) no percentual da população que vive em extrema pobreza.

Fontes: Banco Mundial e IBGE

TAXA DE MORTALIDADE INFANTIL
(a cada mil nascidos)

Em 2013: 21,5
Em 2016: 14

Uma queda de 34,8% no período. Vale ressaltar que em 2016 tivemos uma epidemia de Zika no país q elevou a taxa de mortalidade infantil, o que torna essa queda mais expressiva.

Fonte: IBGE

TAXA DE ANALFABETISMO

Em 2001: 12,4%
Em 2016: 7,2%

Uma queda de 42% no período.

Fonte: INEP - MEC

ENSINO FUNDAMENTAL
(jovens de 16 anos com ensino fundamental concluído)

Em 2003: 57%
Em 2014*: 74%

Um crescimento de 29,8%.

*O estudo do PNE com base no PNAD que serviu de fonte para estes dados era de 2014, portanto não trazia dados de 2016.

Fonte: Observatório do PNE

PIB

Em 2002: 1,48 trilhões
Em 2016: 6,26 trilhões

Corrigido pelo IGP-M, o PIB de 2002 equivale a 3,53 trilhões em 2016. Ou seja, tivemos um aumento de 323% que, considerando as correções, representa um aumento real de quase 80% no nosso produto interno bruto.

Fonte: IBGE e FGV

RESERVAS INTERNACIONAIS

Em 2003: U$ 37,6 bilhões
Em 2016: U$ 370 bilhões

Um aumento de 884%. Quase 10 vezes maior de quando pegou pra quando entregou o governo.

Fonte: Banco Central

ENSINO SUPERIOR

Em 2002: 466,2 mil alunos concluiram
Em 2014: 837,3 mil alunos concluíram

De 1995 a 2002: 2,4 milhões concluíram
De 2003 a 2014: 9,2 milhões concluíram

O aumento de pessoas com nível superior reflete o sucesso de políticas públicas como o ProUni e também é consequência da melhora da renda da população em geral que passou a ter condição de pagar pelos estudos.

Fonte: MEC

DESEMPREGO

Em 2003: 13%
Em 2014: 4,3% (Fim do 1o mandato da Dilma)
Em 2016: 11,3%
Hoje: 12,3%

A redução da taxa de desemprego do início do governo PT até o início da crise, quando a Dilma ganhou a reeleição, havia sido de 67%. Com a crise que vivemos até hoje este indice subiu bastante, mas mesmo assim se encontra abaixo de 2003 quando o PT entrou. Ou seja, apesar da nossa percepção de que nunca esteve tão ruim, de desesperança e de caos, de fundo do poço, ainda assim está melhor que antes do PT entrar.

Fonte: IBGE - PNAD

 

Escolha o correto para o Brasil!

 



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (66)

Teatro Vannucci Beijou,Casou! Texto e produção de Kyra Kahu, Direção de Marco Miranda. | 04Out2018 18:31:39

Publicado por: (......)

 

Escolha ir ao Teatro Vannucci ver a peça Beijou, Casou! Acontecerá na próxima terça-feira dia 9 de outubro às 20h. Gávea. Rio de Janeiro. 

 

 

Descrição:

 

 

Gabi, uma jovem mulher de cerca de 33 anos, que vive uma particularidade: Nunca beijou.  Por conta desse mistério, tenta convencer o amigo Rafael que beija-la não é uma boa ideia.
 
Gabi acredita que carrega um carma herdado de sua mãe Gorete, que casou com todos os homens que beijou. Temendo que isso também aconteça com ela, Gabi conta ao amigo Rafael as venturas e desventuras de sua mãe, procurando demove-lo da ideia de beija-la.
 
A Direção do espetáculo, seguindo a proposta formal e conceitual do texto, propõe uma comédia leve e divertida, sem perder de vista as situações conflitantes abordadas, mesmo aquelas que, nos dias atuais possam parecer estranhas e distantes. Evoca ainda o universo feminino em várias de suas vertentes, mostrando onde se movimentam os personagens e também trazendo a tona algumas das situações a que estão expostos a grande maioria aqueles de deixam suas terras em busca de outras possibilidades de vida.ÿ

Lançamento da Revista Liberdade e Cidadania, CCJF, Centro do Rio de Janeiro. | 02Out2018 13:24:27

Publicado por: (......)

42885029_10205160432286225_819055975653703680_n.jpgAmigos segue nosso convite de lançamento da  Liberdade e Cidadania.

Tema: Justiça.

Distribuição grátis.

Gisele Lemos

Coordenação Geral.

 

 

 

 

 



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (63)

Caridade | 05Ago2018 12:43:27

Publicado por: Diana Balis

maxresdefault.jpgfome.jpgColhe lágrimas e anseios 

Vestimentas da esperança, 

Córregos e desertos de vida. 


Desistir de sofrimentos e arreios 

Fome, dor e vingança, 

Suave no convívio da lida. 

Breve a passagem de apelos 

Desterro e isolamento. 

Versos livres no acolhimento, 

Cometa a imprudência dos pesadelos. 

Ame o encarniçado e o proteja de flagelos.

 

Rio de Janeiro, 5 de agosto de 2018, Diana Balis



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (124)

“Grave & Agudo.Poesias de Amor”. Na 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo. | 16Jul2018 14:32:08

Publicado por: (......)

DSC_3811_1.JPG Livro mostra a ambiguidade entre amor e desamor

Poesia provocativa de Gisele Lemos mostra os dois lados do sentimento

 

A crença no amor, que cria atitudes em prol da vida humana e da natureza, e a solidão provocativa do amor. É por esse caminho que a poeta Gisele Lemos, depseudônimo Diana Balis, deseja que o leitor atravesse em seu novo livro: “Grave & Agudo. Poesias de Amor”. O lançamento será no dia 11 de agosto, na 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

 

Segundo Gisele, (foto de Vanessa Angelo) a intenção é criar diversos tipos de sensações, inclusive de desconforto. Para ela, o “amor é como dar linha na pipa, você solta e o deixa livre, à espreita da liberdade, do voo e do reencontro”. A escritora diz que a obra também serve como um grito de luta para quem precisa reagir a sentimentos não correspondidos.

 

- Vivi o amor platônico através da solidão de um quarto fechado. Foi quando me vi diante da crise de sentimentos, a ambiguidade e sobrevivi por amor à vida. Aprendi que o amor abre portas, mas bloqueia a pessoa quando se cala. Por isso, precisamos aprender a reagir ao desamor - desabafa.  

 

O livro recebe influências de autores consagrados como Gabriel García Márquez, Clarice Lispector e Carlos Drummond de Andrade. Para Gisele, esses escritores são grandes mestres em apresentar “retalhos” de sentimentos em suas obras, seja por meio de poemas ou da história de seus personagens. “O Amor nunca perde a vez. É um jogo que nem sempre se ganha, mas está sempre na moda”. 

 

Sobre a autora

Gisele Lemos é psicóloga, poeta, diretora do Conto & Cena e Editora da Poesia Revista. É ainda membro da Associação Profissional de Poetas no Estado do Rio de Janeiro (APPERJ), das Academias Literária Internacional (ALPAS 21),  de Letras e Artes Buziana  (ALAB), de Letras e Artes de Fortaleza e da Academia Virtual dos Poetas de Língua Portuguesa.

 

Participa de 15 Coletâneas nacionais e internacionais como escritora.  Publicou os livros “O signo do amor”, “Cometa” (Livro CD gravado em áudio), “Verdes e Perfeitos amores” e “Se par ação de Mer cú rio”.

 
Ficha técnica

“Grave & Agudo. Poesias de Amor”

Perse Editora.

Categoria: Poesia Contemporânea Brasileira. 
Páginas: 74 
Participações : 
Diana Balis Autora 
Rui de Carvalho Diagramação 
Maximiliano Sanz Balsells 
Colaborador 

Prefácio: Alexandra Vieira de Almeida

Jornalista Tiberius Drumond Assessor de Imprensa t@drumond.info



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (147)

Copa 2018, Brasil no Alzirão, Tijuca, Rj | 24Jun2018 11:06:50

Publicado por:

copab.pngCopa no Alzirão acontece na Tijuca, fazem 40 anos de tradição. 

As atividades de rua, em prol do Futebol e da torcida brasileira organizada na Cidade do Rio de Janeiro.

Ricardo Pousa é o presidente desse trabalho. Organizadores convidam  todos para  essa grande festa de rua. 

Além dos patrocinadores, quem faz a festa são os meninos que viram noites nas ruas.

Ricardo Pousa, Guilherme, Serginho, Georges, Wlatinho, Saliba, Diretoria.

Bruno, Hugo, Nathalia, Thiago, Ana, Renato, Karine, Luiza,Júlia, Indiozinho, Leticia,
copac.jpg

Bianca, Thalles, Ana Gabriela, Alan, Paula, Cesar, Gisele, entre outros.

Esperamos que no próximo jogo, seja mais fácil!

Brasil fez o povo estremecer com tanta garra para fazermos no último jogo os 2 gols.

Agora na quarta, dia 27, 15 horas, vamos com toda a torcida brasileira ao Alzirão, que estará em festa na Tijuca.  Fica na esquina da Alzira Brandão com a rua Conde de Bonfim.

Shows e atrações diversas e o telão, para todos torcerem pelo Brasil.

Segundo um dos organizadores, Georges, nos diz que para participar dessa festa, será mais fácil e barato.

Amigos e amigas:
Venho informar que para o próximo jogo quarta feira modificamos os preços de nossa área vip

Restaurante Conde Gourmet com rodízio de massas e refil de refrigerante por R$ 50,00 de 14:00 as 21:00 podendo entrar e sair quantas vezes quiser e consumir o que aguentar.

Camisa ALZIRÃO 2018 que da o direito a área reservada em frente ao palco com segurança total por R$ 60,00.
copa4.jpg
Dentro da área vip venda de cerveja , refrigerante , água, carabao energético, jurupinga , sorvete Kibon e genial .
A melhor e maior festa do Brasil na copa do mundo espera por vocês. 

Plantão de vendas a partir de domingo dia 24 as 12:00 na varanda gourmet do restaurante

Para está quarta feira teremos o show do grupo Clareo e atrações inéditas. Vamos torcer pelo Brasil! Aguardamos vocês na festa do Alzirão.

Aconteceu o 1 Encontro de Papais Noeis | 16Jun2018 11:29:31

Publicado por: Diana Balis

IMG_20180611_WA0015.jpgAconteceu no Rio de Janeiro o 1o Encontro de Papais Noeis na organização de Limachem Cherem e Fátima, no Centro de Artes Calouste Gulbenkian. 

IMG_20180611_WA0016.jpg


Empresa Tapume com 25 anos de Escola de Papais Noeis, realizou o primeiro encontro nacional de Papais Noeis. 

 

 

 

Unindo Papais Noeis de vários estados do Brasil, com palestras, concurso de vestimentas, cuidados com a barba e cabelo, truqes de mágica e palestras que participei como psicóloga das questões profissionais com artistas, pedagogo a programação completa está aqui no link abaixo:

 

https://www.encontrodepapaisnoeis.com/

Momentos mágicos desse encontro aqui comigo fotografados, onde estava cercada pelo bom velhinho.

Profissão em ascensão nesse Brasil. Parabéns a todos participantes e organização. 

Num Brasil precisamos ter esperança, e ofertar sonhos!

Gisele Lemos

 

 

 



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (141)

Estações de amor | 15Jun2018 12:36:32

Publicado por: Diana Balis

Love.jpggustavklimt.jpgEstações de amor 
Leio páginas inteiras em versos ocultos. 
Entrelinhas de eterno esboço de amor. 
Calmarias entre tempestades e pensamentos. 
Alheia ao colo de arreios e palpitações. 
Cavalgo suas entranhas com desejo. 
Desperto as estações e leitos dormentes. 
Esperança calada e investigativa, 
Repleta de sentimentos em atitudes e desvario. 
Cometo todas as injúrias em prol desse apego. 
Amor sem medo de frio, 
Congela as cenas desfolhadas. 

Rio de Janeiro, 15 de junho de 2018, Diana Balis, Imagem de Gustav Klimt



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (120)

Clamas! | 05Jun2018 11:03:28

Publicado por: Diana Balis

6183693167_9c7589ddcc_z.jpgAfeto, esperança, interferência, oferece urgências.
Bamboleia cantigas, deduz eficiente fecunda grandiloquência
Homem imagina justiça kit: liberdade maliciosa.
Nauseabundo oprime pedinte que eclode sussurros.
Resgada, súplica, transparência, uníssono vernáculo.
Wi-fi xibaia yuppie zabumba.

Clamas!

 
Diana Balis. Rio de Janeiro, 5 de junho de 2018. 

Vaidade no tempo | 04Jun2018 10:50:52

Publicado por: ../..

BLOGTOK | CICLOS DE POESIA | 7 PECADOS | VAIDADE | DIANA BALIS


O passado na porta entreaberta

Os cascos das tartarugas expostos ao muro de pedra

Os pssaros sobrevoando os corpos deitados

Transpassando parasitas nas folhagens

As flores cumprimentando o vento

As rodas do carro de boi apiam copos imveis

O beija-flor espalhando o jardim colorido

O mar ba

Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (326)

O que está acontecendo no Brasil #Brasil | 02Jun2018 10:28:28

Publicado por: Diana Balis

crise_na_na__o_brasileira_68494764.jpgO que está acontecendo no Brasil

Respondi: O que não está acontecendo no Brasil, essa é a questão.
Passaportes na mão para quem não esteve por lá, para quem tem e para quem nunca pensou em ter ou ir. Sair. Todos foram parar em Portugal, me disseram um dia, mas todos estamos preocupados.
Brasil da banana Americana, banana na feira vendida por dez reais! É americana...Só pode ser!
Brasil na mão dos grandes que são nada mais, nada menos, que os grandes grupos financeiros internacionais, estamos nas mãos de grandes empresários economistas atrelados aos nossos governantes, que acabaram com outros países e continentes por ganância inescrupulosa e pela vontade de ter sempre mais! E agora querem acabar de vez conosco.
Nada de caminhoneiros parando o Brasil, que eu respeito muito, mas por trás de tudo isso, um outro grande golpe:
Acabar com a democracia.
Acabar com eleições diretas e deixar tudo na mão dos ministros, do congresso, é isso que querem, desestabilizar, inflacionar e acabar de vez com o Brasil!
Saída pela via aérea, saída para onde meu Deus!
Deixem o Vice aí, até votarmos no próximo FDP.
Ninguém acredita mais em FIFA, na Globo, ou no Brasil em Liberdade.
Não existe liberdade diante dos conglomerados economicos internacionais, não existe esperança.
É isso que está acontecendo no Brasil!
Fim dos tempos para poucos brasileiros que acreditavam em mudanças.
Esquerda, direita, centro, tá tudo no saco dos gatos safados do capitalismo ferrenho.
Venderam o Brasil a preço de banana.
Agora nós pagamos o preço caro!
Amigo, já fiz as malas, e estou chegando!
O dia em que o Brasil parou para pensar, ele já era de tantos outros.
 
Rio de Janeiro, 2 de junho de 2018. Diana Bala.

O dia em que o Brasil parou | 27Mai2018 10:40:36

Publicado por: Diana Balis

caminhoneiros_1.jpgO dia em que o Brasil parou 
Senti uma interrogação absoluta 
Todos envolvidos na tramoia, 
Sempre os Deputados e Senadores corruptos, eles estão envolvidos na greve, porque fazem parte da engrenagem que deseja aumento de ganhos e lucros. 
Vou dizer, controle de poder existi sempre pelas grandes estatais e empresas associadas aos governos e aos bancos.

Mas tem uma hora que o tiro sai pela culatra. 
Todos os descontentes exigem seus desejos, direitos e até o exército executa uma ordem com cautela, 
porque não queremos intervenção militar no Brasil,

Queremos o direito de tirar todos citados na lava jato da política e colocá-los na cadeia, após real julgamento. LIXO!
Mentirosos que nos enganam.
Sabemos que os empresários pediram essa greve de caminhoneiros, mas  
O Povo concorda que o nosso Brasil não deve ficar a merce do dólar e parado;

Parem de entregar mais nosso país nas mãos estrangeiras,

Brasil não está sujeito e nem é objeto,

Somos um povo pacífico e queremos a liberdade de viver sem acordos de 20, 40 anos, 

Descumpra-se tudo isso! Deveria ser proibido! Políticos não podem fazer acordos vitalícios e nem de 40 anos, seus atos e direitos de responsabilidade social, são de duração de seus mandatos.

Esse congresso é uma vergonha para a nação Brasil, quero eleições imediatas!

Rio de Janeiro, 27 de maio de 2018, Diana Balis.



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (127)

Palavra | 22Mai2018 11:06:08

Publicado por: Diana Balis

download_3.jpgPalavra32475098212_25592294f5_b.jpg

Lavra o verbo que adormeço 
No encanto de pensamentos
Crio rotinas imagináveis em livros absolutos
Caem os flocos de neve e meus pés dissimulam
Pensa grande
Pesa enorme
Como árvores frondosas das florestas desarmadas
Flym como monte
Sustenta seu gado 
Pastoreie campos e semeie girassóis.
Pensa na lua, que é récita ao tempo.
Espaço só conhece na Terra.
Vamos viver o futuro!
Escalavra e acorda.
Rio de Janeiro, 22 de maio de 2018, Diana Balis.

Liberdade | 21Mai2018 09:55:24

Publicado por: Diana Balis

FailingMemories_Spencelayh.jpgSer livre

Ontológico, reflexivo, contingente de ser humano, silogismo final, ser nascido e livre.
 
 
 
Ser Livre
 
Vi  ler ser
Ser,  Li, ver
Se live
Se livre,
Ver, li, se...
Velhice.

Rio de Janeiro, 21de maio de 2018,
Diana Balis
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Pintor inglês, Charles Spencelayh (1865 a 1958)
 
 

Felicidade | 20Mai2018 08:30:34

Publicado por: Diana Balis

nature_868115_960_720.jpgNado nas correntezas frias
Falsa imagem golpeia o ar
Corredeiras que levam
Diversidade e agilidade
Frio será: jamais sentir o amor por alguém,
Ou ninguém.
Amo a vitória-régia do Rio 
Amazonas.
Mulher firme de gosto forte
Dominar faz parte da guerreira,
Invente sonhos ou mazelas 
Docilidade que habita,
Mora ao lado.

Rio de Janeiro, 20 de maio de 2018, Diana Balis
 
 

Pandora | 19Mai2018 10:52:53

Publicado por: Diana Balis

CACHOEIRA.jpgDelimite a sua margem do Rio, 

Olhe os sinais vermelhos, 

Freio de carro é para utilizar quando passa o pedestre. 

Todos temos os mesmos direitos: 

Ir e vir. 

Segredos e mentiras revelados em séculos de silêncio. 

Abre a porta da sua honestidade. 

Aprenda com os bons, esqueça os fascistas e radicais. 

Corrigir os erros do futuro planeta, com dicas de hoje. 

Nada começa amanhã! 

Acorde e levante a poeira do tempo que passa rápido... 

Viaje, arrume suas malas e siga em frente.

Saúde é o que mais importa. 

Não perturbe as crianças nem os animais, 

Todo mundo quer viver na paz. 

Angústias e depressões devem ser cuidadas,

Ideias persecutórias não podem repercutir.

Cuidar e amar o próximo.

Viver sem tantas expectativas e criar soluções imediatas à vida.

Rio de Janeiro, 19 de maio de 2018, Diana Balis

Chuva Carioca | 17Mai2018 10:42:21

Publicado por: Diana Balis

71982364_RI_Rio_de_Janeiro_RJ_30_09_2017_Chuva_e_frio_faz_o_carioca_tirar_do_gurada_chuva_de_Orl.jpgChuva Carioca
Chuva que cai suave, 
Refresca a vida da carioca no ponto de ônibus.
Atravessa a avenida, água nos pés, observa,
Chora.
Corridas e ventanias,
Calados rumos do ir e vir.
Caminhos de muitos Rios que passam por aqui!
Poluídos...
Maritacas quietas, micos escondidos, 
Árvores da Floresta, felizes.
Cariocas, nunca habitam o lugar das águas, 
Mato Grosso do Sul, Minas, São Paulo, todos moram no Rio, nesse dia. 
Esportes, praias, barcas e as travessias, serão as mesmas paisagens,
Guardadas nas lembranças de calor.
Todos leem os noticiários do dia,
Procuram o horizonte.
Virá com certeza o sol, em tempos de eleições brasileiras,
Pense na chuva que cai hoje e no que vem por aqui!
Rio de Janeiro, 17 de maio de 2018, Diana Balis.

Mundo Apresto | 16Mai2018 10:23:21

Publicado por: Diana Balis

download_2.jpgOlho no espelho

Destruição e explosões.
Mantimentos e gastos,
Desertos de banidos,
Vendem e constroem guerras.
Existe o controle dos bancos, ricos, 3 poderes e Trust
Injustiça social contra homens de bem
Viver simplesmente 
Gananciosos desfazem acordos e criam malícias,
Gerando fome e ruína.
Calar para que!
Antolhos nos olhos, não bastam a vida!
Dirija e rume com cuidado. 
Diana Balis, Rio de Janeiro, 16 de maio de 2018, Brasil.

Dust | 15Mai2018 10:07:39

Publicado por: Diana Balis

10288744_4413415389342_4884355744809029632_n.jpgRaise and clean the house
By eating the sweetened corn bread,

1225913.jpg

Runs in the morning yields to the salty sea.
Bamboleia on the goal post.
Blue sky on the horizon, and in the distance ...
Love of wind.
Freshness of caresses,
Wake up the girls
It raises the dust of time.
Peel oranges and eat bananas with honey.
Bees kiss and I,
I raise the dust of this love.
Diana Balis, Rio de Janeiro, May 15, 2018
 
Poeira
Acorde e limpe a casa.
 
 
Comendo as broas adocicadas,
Corre na manhã rende ao salgado mar.
Bamboleia na trave do gol.
Céu azul no horizonte, e ao longe...
Amor de ventania
Frescor de carícias,
Acordem as meninas.
Levante a poeira do tempo.
Descasca as laranjas e come bananas ao mel.
Abelhas beijam e eu,

Reviro a poeira desse amor.

Diana Balis, Rio de Janeiro, 15 de maio de 2018.

 

Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (119)

Mudança | 14Mai2018 10:41:36

Publicado por: Diana Balis

32387158_10204637445131873_8632308704982597632_n.jpgCasa nova 
Mudei para Porto. 
Viemos de Portugal, que chama de volta. 
Revolta! 
Brasil ilusionista. 
Teatro de políticos, 
Loucura de humanos descarrilhados. 
Só tem corruptos e corruptíveis. 
Niquelados e repetidores de frases. 
Pensa, repense! 
Esquerda ou direita, isso não é time de futebol. Pense, Dualista! 
Ricos só pensam em dinheiro e vendem tudo o que existe nesse Brasil. 
Começamos com as pedras preciosas, café, cana, agora são nossos Hospitais, Telecomunicações, Petróleo, Águas, Energia, Terras, Minérios e Florestas... 
Estamos sendo roubados de fora para dentro, 
De dentro para fora, já fazem 500 anos!
Fora do Brasil, vamos nos mudar... 
Quero ver Europeu vivendo aqui! Americanos vivendo aqui, francês vivendo aqui! Chinês vivendo aqui, Russo vivendo aqui! Português já está saindo daqui! 
Brasil de bandeja as nações!
Brasil vendido! 
Fora você, político corrupto! 
O Povo Brasileiro agradece! 
Rio de Janeiro 14 de maio de 2018, Diana Bala

(foto da Comida de Buteco, nota 10 do Buteco Enchendo Linguiça, Bairro Grajáu, Rio de Janeiro)



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (122)

Café com pimenta | 13Mai2018 10:48:10

Publicado por: Diana Balis

download_1.jpgCafé com Portugueses

São poesias ao homem bonito.

Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (106)

Ilhas | 11Mai2018 10:15:03

Publicado por: Diana Balis

flight-652265_960_720_1.jpgFiltro solar
Desapego de chitas
Meninas voam de asa delta
Nadam corredeiras
Viajam em cometas
Dedico a elas,
Amor de mãe.


Diana Balis, Rio de Janeiro, 11 de maio de 2018.

 

 

 



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (122)

Flor de Amor | 10Mai2018 09:44:32

Publicado por: Diana Balis

flor_de_maio_13_1024x665.jpgFlor de amor 

Caem flocos de neve, 
Serão lágrimas reaquecidas de amor. 
Suspiros de felicidade. 
A vida se abre, 
Flor de maio. 
Beleza que transcendente, 
Cuida, 
Nem nos pertence. 
Legados: 
Filhos e netos. 
Revigoram, alimentam a esperança. 

 
Feliz dia das Mães! 
Para você, e sua família.
 
Gisele Sant Ana Lemos, Rio de Janeiro, 10 de maio de 2018.

Caminhos que seguem | 05Mai2018 10:17:49

Publicado por: Diana Balis

tuscany_428041_960_720.jpgCorro entre os jardins da calma

Desespero para quem tem alma

Desapego de menina que canta e dorme

Sossego de carícias na noite, transforme.

 

Cordilheiras e riachos colorem a passagem,

Num entrave sem remessa na filmagem

Pingos retidos do olhar ameno.

 

Calor de amor entre as cobertas do frio

Pintei cachos de uvas maduras no sereno,

Debulhei milhos nos campos que recrio.

 

Caminhos me seguem

Diana Balis, Rio de Janeiro, 5 de maio de 2018



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (101)

Insônia | 01Mai2018 10:07:08

Publicado por: Diana Balis

IMG_0731.jpgInsônia
Diana Balis

Dorme escutando o grito de alerta
Fogos de artifícios nos aludiam à noite 
Esquece os tiros, os pedidos de socorro, o sinal vermelho.
Dirigir vasculhando os rumos, em busca a si mesma.
Bebe a água destilada de mal presságio,
Acorda feliz e sorri.
Marcas renascem do tempo de espera.
Atuar faz parte, agradece,
O vigor de vinho tinto,
 Lembra pés descalços.
Decantem, cantem e os pássaros desavisados voam
Mas o norte fica longe, tão longe, 
 De mim.
Então, Dorme.
Diana Balis, Rio de Janeiro, 1 de maio de 2018.

Ipanema 120 anos | 27Abr2018 09:42:34

Publicado por: Diana Balis

IMG_20151218_192600661.jpgIpa 120 anos

Vamos brindar, afinal, onde tem praia, amigos, posto 9, aplausos a vida e natureza.

Sol no horizonte sorrindo, carnaval e blocos, sucos coloridos e bares na Nossa Senhora da Paz.

Pé sujo e seu dono nem tão educado...

Vida de Ipa, tem sorvete italiano,  tem a feira de artesanato e seus quadros expostos, o terraço da Lucia, belmonte, e afinal, tem poesia e bossa nova na toca do Vinícius e seu Tom.

No fim, Ipa acolhe, é aplaudida por sua Senhora idade. Parabéns Ipanema, Rio de Janeiro, Brasil. 

Diana Balis



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (96)

Poesia Revista 2018 online leia a Revista. | 05Abr2018 14:51:13

Publicado por: Diana Balis

29683467_10215876305846041_1658717922864620734_n.jpg

 

 Show de Compositores Rádio Estrada 55

Poetas convidados: Gisele Lemos, Brunna Balbina, Juan Ribeiro, Márcia Schweizer, Val Mello. Músico convidado: Andre Penna-Firme.

APOIE A MÚSICA POPULAR BRASILEIRA, DIVULGUE, COLABORE, PRESTIGIE, VÁ AO TEATRO.

Dia 7 de abril de 2018, sábado, às 15h. Duração: 2 horas. R$ 20,00 e R$ 10,00 (meia).

Concepção, curadoria, roteiro e supervisão geral: Ricardo Loureiro. Direção:Alan Pellegrino. Equipe de som: Wagner José e Seu Bando Wj Esb.

Vários compositores da música popular brasileira independente apresentam composições próprias emais a participação de grupos de teatro e de poesia.
 
 

 

 
 
 
 
 
 

Gisele Sant Ana Lemos e a “Poesia Revista”

29060563_178509242771498_265127368819301685_o.jpg

 

 

 

 

 

 

 



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (135)

Poesia Revista, convite, Rio de Janeiro. | 20Mar2018 08:20:21

Publicado por: Diana Balis

FLYER_A6_POESIA_REV.png 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (160)

Mauro Macieira da Costa, Advogado. | 11Mar2018 13:58:57

Publicado por: (......)

Mauro3.jpg

Conversei com Mauro Macieira da Costa Auditor, Professor e Advogado Formado pela Faculdade Càndido Mendes, Especialista em Direiro Penal e Curso de Balística e Perícia Criminal, IMLRJ, com Pós Graduação em Direito Tributário,

No dia da Mulher, nos diz:

Desejo para todas a mulheres:

"Um Feliz Dia Internacional da Mulher!"

"Tenho muito respeito e admiração pelas Mulheres, temos muito para conquistar, pois o preconceito velado, com as piadinhas, é o pior.

Desejo que aconteça o fim do constrangimento

para com a Mulher.  Chega de abuso e violência!

15041e.jpg

Vamos terminar com a discriminação contra a mulher."

 

Nós Mulheres, agradecemos confiantes que suas boas palavras virem açôes e atitudes!

Para contato abaixo:

mmcosta2001@yahoo.com.br e Cel: 055 21 996118740



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (185)

Carnaval do Rio de Janeiro, apurações 2018 | 14Fev2018 19:04:14

Publicado por: Diana Balis

tuiuti2018_595x292.jpgCultura e Arte, o povo carioca, em 2018, mostrou ao mundo, que samba no pé,também faz democracia, o povo, deseja realmente realizar, fora do carnaval, muita justiça e além da Arte, somos pao e circo, vestir a fantasia da política,

Fora Temer!  Fora Crivella! (que viajou no nosso carnaval carioca)

Parabéns, escolas de samba do Rio de Janeiro!

Venceu o povo brasileiro em criatividade, com menos verbas, arrasaram nos enredos, e nos temas políticos.

Parabéns TUIUTI, Salgueiro, que surpreenderam e agradaram o povo Brasileiro.

Segue o samba da TUIUTI! 

Beija-Flor de Nilópolis, Parabéns! 1o Lugar.

 

Acredito na arte como manisfestação e política, vamos invadir Brasília com poesia!

 

 



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (225)

Tempo de Amar III | 13Fev2018 14:56:22

Publicado por: Diana Balis

fotos_historicas_beijos_guerra_006_758x591.jpgTempo de Amar III  

Uivos sedentos

Ensejos de amor

Ruídos sonoros

Norte sedutor

Escapar ou levitar

Tempo de amar.

Diana Balis 

Rio de Janeiro, 11 de fevereiro de 2018.

 

 



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (242)

Puta dos infernos | 07Fev2018 14:49:09

Publicado por: ../..

BLOGTOK | CICLOS DE POESIA | 7 PECADOS | LUXÚRIA | ANTÓNIO RIBEIRO

Puta dos infernos
de vermelho e negro
excitas-me
agora que sou rei
agora que comando exércitos
como te queria lamber no chão
chupar-te as ancas
as coxas
as mamas
a cona
o sexo
és a minha rainha
de vermelho e negro
és a p

Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (241)

Contrato de amor. | 04Fev2018 09:52:11

Publicado por: Diana Balis

 

Diferen_aDeIdade1.jpg

Amor virou contrato. 

Passagem entre os povos. 

Veja meu passaporte, 

Repleto de viagens de amor virtual. 

Bagatela sem paixão, de escolhas aleatórias. 

Colhendo frutos sem sementes 

Comendo sem vontade real. 

Amor virou troca, e cada vez de menor valia. 

Nem as puras fazem como antes... 

"Nem sou freira nem puta!"  Nem sou juíza nem ladra! 

Sou Mulher. Simplesmente isso! 

Homens andam tão meninos e distantes de Mulheres reais! 

Peguem as novinhas, elas são inexperientes... 

Tem sabor de fio dental. 

Compram todas as suas idiotas ideias. 

Mas vão trair você, na melhor oportunidade. Afinal, burrice tem limite! 

Uma de vinte, não vale a de 45. 

Mas mães, mulheres, é que ganham menos e continuam a educar seus filhos homens sozinhas. 

Deixando os pais irem sem compromisso, fazendo filhos e mais filhos em cada esquina. 

Você, sem ninguém, sem marido, continua na luta pela feminilidade, ganhando menos.

Eduque seu filho homem de forma que este respeite a Mulher que você é! 

Mulher, seja mais firme e eduque para o futuro. 

Diana Balis, Rio de Janeiro, 4 de fevereiro de 2018.



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (282)

País del miserê | 31Jan2018 08:45:56

Publicado por: Diana Balis

mindi_copy.jpgPaís del miserê


Brasil república de Norteamericanos
Ni se engaña, todo comenzó con América del Norte, queriendo dominar el mundo.
En el caso actual, el mundo llama a Brasil.
Hacer políticas con China, Japón, y otros países del este europeo, no podemos!
¡O los políticos, que años y años sólo quedaban en los conchavos y mamaban en las americanas, ya eran! ¡Cómo así puede!
¡Nuestro Brasil, ya venía un AmericanSulBrazil, y ahora como nos quedamos $ # @!
Nos quedamos con los cien: sin casa, sin educación, sin salud, sin nada.
¡Los políticos corruptos, con todo, y los juristas, con todo junto, la colusión general!
Impedieron a la Presidenta Dilma, con un safado y ladrón al mando, el Sr. Cunha comandando la fiesta, ese preso, por lo menos!
Ahora van a arrestar al ex presidente Lula, entonces dígame, fuera el señor loco Collor que quiere volver, quien en ese país presidente, fue antes condenado a algo !!
Todo corrupto de pipa suelta, o bien presa en las rabiolas americanas ...
El espacio es nuestro, la Amazonia, es nuestra, las aguas son nuestras!
¡Las piedras preciosas y el oro ya lo llevaron!
Personas! ¡Vamos a despertar a la vida!
¡Llega de "I love you!" Y vamos al "Je t'aime"!
"Temer", {fuera Temer!}
Y que no hay que olvidar que no hay nada más que hacer en Brasil.
¡Fuera todos ladrones de cuello y corbata de Brasilia!

De la ciudad de Río de Janeiro, 31 de enero de 2018. Diana Bala!

Rio de Janeiro | 27Jan2018 10:48:44

Publicado por: Diana Balis

8016722728_bff9f59fef_b.jpgVista_Chinesa.jpg

Rio de Janeiro

Diana Balis


Path in the grass, between the river and the sea, centennial trees, are thirsting for hope

Hills occupied by alleys and slums, and entire families without destination.

Sewage, rubbish, streams and below, on the way to the sea in Leblon

In Vista Chinesa, the belvedere, I experienced the most beautiful and deserted landscape, in the simple expression of beautiful life.

Rio de Janeiro, in the future in the heat of the night, has bandits in the streets, and in the buildings by my side.

I tired the poetic word of Carioca, I want money in the hands of those who live the honesty of daily life.

Everyone moves, and they travel in the need to come and go here.

They long to be Cariocas: Mineiros, Paulistas, Sulistas, Pernambucanos, Baianos, who else!

Sand sculptures are silent in the afternoon to applaud the sunset

Poetic is to be human, and to have compassion for being social.

Love of life that will be reborn as a phoenix.

 

Rio de Janeiro, 27 de janeiro de 2018.

 

Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (226)

Sonho, Praias Cariocas, Praia Vermelha. | 13Jan2018 08:18:22

Publicado por: Diana Balis

 

Praia_Vermelha_Rio_de_Janeiro.jpg

Vento forte, apalpo as areias da praia vermelha.

Movem-se todos os personagens do passado na roda da vida.

Morros de bondinhos, sob as cabeças desavisadas e retorcidas.

Refaço o percurso do Caminho do bem-te-vi
olhando o mar.
 
Respiro e ouço as ondas, vida à passar. 

Descalça na pedra, alimento o prazer de amar.

Um dia qualquer, essa pintura capturada na foto, revolta o sonho.

Diana Balis, 13 de Janeiro de 2018.



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (350)

Verdade | 12Jan2018 02:15:56

Publicado por: Diana Balis

5103fcd153e5c0bce790e0b6bcd0b285.jpgVerdade:

Ter pais casados por 60 anos.

Considerar que se viveu 400 anos.

Ter felicidade, ainda que existam os políticos corruptos e seus seguidores... 

Ter esperança, ainda que tarde, agora já são no Brasil, meia noite e passaram mais de 24 horas. 

Amar, e ter vontades nas madrugadas, como cantar e dançar em sua própria casa. 

Importam esses outros descontentes e desavisados, que de tanto tenho para amar e oferecer, a alegria e a retribuição à vida! 

Que vida!  Gente!

O enlouquecimento de tantos, tem-me feito bem e causa danos. 

Um tão querer, que nem de mim oculto! 

Um bem viver, sem sentido algum... 

Minutos importam, e a existência perene...Também!

Vê, tem vida aqui e ali! que segue;

Mesmo que nem me alcance tanta saúde ou felicidade.

Há Arte em criar as oportunidades de dizer que o amor existe. 

Onde! Como! 

Todos estão completamente atados, entre as amarras que nem reconheço como minhas. 

Vida perene, e a  calma de todo dia, me abala e diz: 

Calar, faz parte de algo menor, quer dizer: tudo o que penso, persegue,

Pensar é tudo o que posso dizer nesse tempo, onde: 

Homens e Mulheres, vivem num deserto desconhecido, como o desenho de impressões incompletas.

Nada se encaixa como num quebra-cabeças.

Tudo apenas  persiste, e a vida segue, e daí! 

Somos seres da eterna insegurança e esperança que persiste, atados ao passado, relegados ao futuro sem presente.

Diana Balis, Rio de Janeiro, 12 de janeiro de 2018.



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (317)

Nada vejo, nada falo eu escuto | 10Jan2018 06:03:15

Publicado por: Diana Balis

treapor.jpgVejo pessoas divididas num Pais de fome. Brasilize*! 

Vozes gritam pelos cantos a liberdade de viver com qualidade, onde! 

TVs com programas de religiões, como se a fé de um povo, fosse apagar os estragos e danos vividos e realizados por políticos e corruptos, fazem anos. 

São muitos, são tantos, que temos um silêncio imbuído na verdade nem dita, reprimida, guardada. 

Olho para os lados, ontem, nada podiam dizer, e hoje! 

Poderemos falar, será! Você vai votar, em quem confiará! 

Medidas emergenciais necessárias para uma saída de emergência, num país em crise, 

Pela crise criada por pessoas gananciosas e maléficas ao povo. 

O povo calado! 

Vivemos para acordar cedo e irmos ao trabalho, quando não chove e nossos pés estão cobertos com as lamas dos outros, 

Não é o povo sem educação, é a elite que deseja o povo sem educação, 

Não é um povo miserável, é a elite que governa o Brasil que deseja o povo sem casa, sem assunto, sem comida, sem terra, sem nada. 

Calados, sem visão de futuro, sem ver nada de bom para ler nos jornais, ver nas TVs, e aceitar, sem ter tudo que se deseja, mas eles votam, o povo escolhe seu Presidente, Prefeitos, Governadores, Deputados, Vereadores, mas esses são contra o povo. 

Solução para a crise, tem! 

Mudanças:

Escolher quem nunca foi político na vida antes.

Fazer das praças e locais abertos, salas de leituras e discussão ao ar livre. 

Trazer para os locais públicos, além de arte nos bairros, leituras, debates e atividades de integração, filosofia e formação de pensadores, e resgate de autoestima, associação de ideias. Criação com construção. Ação. Construir um país pelas beiradas. 

Sabe como é!

 

Atitute!

Diana Balis, Rio de Janeiro, 9 de janeiro de 2018.



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (345)

Telhado de Vidro | 07Jan2018 09:48:49

Publicado por: Diana Balis

clarice_sabedoria_8.jpgTraçados e mouses nas mãos que manuseiam os vigores da vida, o alimento.

Mulheres descabelam-se por tantas tarefas, mas querem fazer sexo.

Homens honestos e felizes, por tanta fartura de vida, comida e sexo.

Verdades e mentiras, todos desaprenderam a amar.

Ambos querem ser felizes, sucedidos, equilibrados, e fazerem amor.

Necessitamos voltar ao tempo de reflexão.  

A sociedade avançou nos relacionamentos, nas expectativas, no feminismo, será!

Caminhar olhando as novas possibilidades de vida.

Sair em busca de seu verdadeiro sentimento, e não de falsas sensações obsoletas. 

Conceitos mudam, preconceito desconsidera, porém existem. Mas para ser diferente, temos que ter ações

Congruentes com a vida. Todos precisam de teto, alimento e amor.

O corpo é a nossa casa, nossa estrutura formada, pensamentos, ações, emoções e atitudes para com o outro. 

Estamos criando seres sem sentimentos, sem estímulos, sem atitudes. Apáticos!

Procurar o verdadeiro significado e a sensação de sua vida, já! Para ontem!

Não somos repetidores, e máquinas obedientes.

Vivendo, aprendendo, errando, tentando, mas refletir sobre o que se deseja, e não o que desejam que façamos,

Não é não!

Dizer não, é fundamental. Quase ser sobrevivente, um sem lugar, sem alimento, sem alma, um ser invisível...

Você que teve educação, dinheiro e amor, está na hora de tomar uma atitude e reagir,

Faça a revolução de sua vida e existência, reconsidere que erramos em tudo e recomece. Desistir jamais!

Viver é ótimo!

Precisamos otimizar o tempo perdido e irmos a luta! Nunca ouvi frase tão antiga e ideal nos tempos de hoje.

Pare de olhar o telhado de vidro e vamos a construção do real valor que importa a vida.

Mãos a obra. Você se merece!

Diana Balis, Rio de Janeiro, 7 de janeiro de 2018.

Minuto silente | 04Jan2018 09:00:27

Publicado por: Diana Balis

 hqdefault.jpgPovo que admira estátuas de bronze


Caminha com seus cães pela orla

Aplaude o por do sol e a fotógrafa só sorrindo

Pedintes nas ruas, em todos os lugares, em todo país!

Brasil rico no misere!

Vou cantar para Vinícius o amor a terra pátria mãe!

Amor nesse tempo de cólera! 

Todos estão calmos, olhando os fogos da Cidade Maravilhosa!

Tantos tiros e ladrões por aqui!

Por ali também...

Boas novas, anos de elegermos mais uma # * tralha!

Conhece o ditado que diz:

Mais verbas e sempre menos educação, o povo, pão e circo.

Ignorância perdure, o que é bom, dura pouco e haja! Temos ainda o deduro.

Peço então um minuto silente.

Diana Balis, Rio de Janeiro, 4 de janeiro de 2018

Calma | 31Dez2017 07:19:55

Publicado por: Diana Balis

clarice_lispector_rio.jpgBrande o tempo com súplica

Névoas nem reparam os tecidos puídos 

Roer unhas de anseios numa expectativa sorte

Avisos ao léu e pés acelerados no motor

Cante uma só vez, e me acorde mais tarde.

Vejo que as nuvens nem amanheceram,

Novo dia, e novos números.

Hoje a matemática do amor, está multiplicando, fogos já apavorando a cachorra,

A solitária visão de futuro, é incerta...

Nada se compara com o sol nascente no horizonte. Vislumbro a viagem.

Corre que os tickets do metrò já encerraram a espera.

Um dia ir, e viver, mais e mais, o calor do seu olhar, no brilho do chão encerado,

Nem esmorece.

Volte, volta, venha me ver, uma vez mais,

Deitada em seu colo acalentada.

Diana Balis, Rio de Janeiro, 31 de dezembro de 2017.

Foto do site> Clarice Lispector no Leme, Rio de Janeiro. https://www.segueviagem.com.br/ponto-turistico/estatua-de-clarice-lispector/



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (252)

Findos Dias, homenagem ao amigo escritor Estebanez. | 29Dez2017 08:10:17

Publicado por:

sonetista.png
 
(Afonso Estebanez Stael, nasceu em Cantagalo,
RJ dia 30/10/1943, faleceu em 12/12/2017)

Findos Dias

Semana passada comemorei os mortos,

Hoje comemoro os mortos, todos os dias morremos um pouco.

Aprendi em Porto Seguro, na Bahia, a tomar cachaça e comemorar os mortos...

Esse texto não é apologia aos mortos, mas há vida!

Cada dia, um signo, um sinal, um indo...

Aprenda a ler os sinais de fumaça, fogo e destino.

Contente-se com a sua existência terrena e efêmera.

Não saberemos os segundos, quem dirá, minutos!

Saudade.
 
 
Tantas de tantos amigos, amados, parentes, todos se foram...

Talvez um por semana, um por dia...em um minuto.

Acolho o presente, novos horizontes e amigos, sensível passagem...

Da vida efêmera, pretendo mais que a saudade.

Alegrias, comemorações e lutas!beija-flores_1.jpg

Ainda que seja tarde!

Diana Balis, Rio de Janeiro, 11 de setembro de 2016.

(Texto antigo e guardado nas gavetas, hoje arrumo, tempos de férias. Dedico o texto em  homenagem a Afonso Estebanez, amigo, escritor, grande sonetista, na foto acima, fez a passagem e até!)

2018 Ano Cão Terra... | 26Dez2017 11:10:53

Publicado por: Diana Balis

indio8521_1.JPGÿ2018 Ano cão terra 


Significados e esperança completam a gestão enfadonha de consensos... 

Diferente da razão, os poderosos e políticos, nunca pensam que podem perder um dia feio! 

Os nômades serão vitoriosos porque passeiam descalços e despidos de grana. 

Ricos serão os que tem prazer de viver pelo trabalho honesto e terão de tudo! 

Vão receber de bom grado, longe das propinas nacionais. 

Consideração pelo povo, conquistas e vitórias, serão nas urnas. 

Ano 2018 da Mãe Terra entre as conquistas do fiel cão escudeiro. indios_de_verdade.jpg

Defenda seu cachorro e alimente alma do pedinte, 

Todos seremos negros, índios e miscigenados de nobreza, 

O real valor de nosso Brasil colorido é golpear com fervor, os políticos desse país! 

Somos Brasileiros, e somos, 

BRASILÍNDIO! 

INDOBRÁVEL! 

RESILIÊNCIA!


 

Diana Balis, Rio de Janeiro, 26 de dezembro de 2017.



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (246)

Natal | 19Dez2017 12:00:19

Publicado por: Diana Balis

download.jpgNatal

 

Miseráveis seres corruptos

Pedintes reunidos

Cantos sonoros

Fios de carne de peru

Aja trabalho, Deus!

Sem salários,

Cem dinheiros...

Desonestos embutidos,

Vira casacas!

Tios Patinhas no Brasil

Somai todos!

Dividam os pães,

Na terra de cego,

Quem cala,

Foi crucificado!

Gisele Lemos

Desejo um Natal harmonioso e reflexivo para sua família.

 



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (235)

Academia Brasileira de Letras Rio de Janeiro convida | 25Nov2017 08:58:03

Publicado por: Diana Balis

unnamed_3.jpg

 
Prezados amigos escritores e leitores

ABL tem realizado conferências e atividades com teor político e social, acrescento esse seminário sobre A Crise e Metamorfose da Democracia, acontece dia 30 de novembro de 2017, e eu não poderia deixar de divulgar no site, coordenação da Acadêmica  

Rosiska Darcy Oliveira ocupante da cadeira 10, escritora e ensaísta.

 
 

Homenagem, Poesia:

Unicórnio Azul

Diana Balis

Mulher caleidoscópio,

Fraternidade, igualdade e temperança.

Malícia nos campos de folhagens,

Revelada em imagens de futuro.

 

Sonhos reais e imensuráveis,

Unindo seres vivos e minorias.

Galopar no coexistir do diferente,

Exercício de congruência dos fatos.

 

Mulher temperada no tempo,

Sexualidade, política entre nichos. 

Navega o mar de gerações.



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (230)

Peixes Morrendo em Mato Grosso do Sul Denúncia! Rio Taquari pede Socorro! Brasil... | 23Nov2017 10:44:17

Publicado por: Diana Balis

23472885_10213865350565248_2529243263594948774_n.jpgMilhares de peixes estão morrendo na baía do caronal.

Fazendeiros fecham as bocas das baías com aval de políticos e a proteção da polícia.

 

Os fazendeiros fecham a entrada das bocas das baías para que sequem e no lugar eles aumentam suas pastagens para os bois.

Morrem milhares de peixes que iriam reproduzir na piracema.

São crimes ambientais que já estão acontecendo a mais de 40 anos.

Infelizmente os fazendeiros tem a conivência com os órgãos fiscalizadores do Estado de MS. Segundo os ambientalistas, alguns desses fazendeiros são políticos influentes por isso nada acontece.

Um crime ambiental no rio Taquari em Coxim, Socorro! Pedimos ajuda para nosso Rio.
Pescadores, ribeirinhos, ambientalistas, acadêmicos, comerciantes e a população em geral estão unidos para denunciar esse crime que já vem sendo cometido a anos.
Mas chegou ao ponto que você está vendo. A natureza pede socorro.
 
foto de Ariel Albrecht
 
Diana Balis, denúncia!
 
 

Convite a Poesia Revista 2018 | 03Nov2017 08:26:35

Publicado por: Diana Balis

17800172_1420220964665572_8673617508436794480_n.jpgAmigos escritores e poetas, estamos convidando para lerem o Edital da 4a Edição de nossa Poesia Revista 2018.

Lançamento em março, na Tijuca, na Cidade do Rio de Janeiro.

Tema: Amor. 

Inscrição no link abaixo indicado

docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScsstcBJfuEC7QCChbQZkIClTiThNUsHVyM2Ycxh4Qf4triiw/viewform

e entre no nosso grupo Poesia Revista no facebook www.facebook.com/groups/630532336983400/

Amor 

Congele a imagem e recicla

A vida segue singela 

Vomito incansáveis esperas

Aguarde as surpresas

Passagens na mão

Repleta de verdade intensa

Deposita amor em vão

Acabe logo com a desilusão

Prepare o encontro de paixão.

Diana Balis, Rio de Janeiro 3 de novembro de 2017



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (221)

Lançamento da obra "A Arte pela Escrita Dez, Vários autores dia 14 de outubro em Porto, Portugal. | 13Out2017 11:56:38

Publicado por: Diana Balis

  22089069_271474423371701_3498158360418327291_n__1_.jpgTenho o prazer de convidar amigos e poetas, acontecimento em Portugal. 

Lançamento da obra "A Arte pela Escrita Dez, Vários autores dia 14 de outubro em Porto, Portugal.

Para participar desse evento acesse página do facebook abaixo e fale com Dionisio Dinis. Mosaico editora. Muito feliz em participar dessa obra como escritora,

Diana Balis

facebook www.facebook.com/events/300158137151431/

 

Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (448)

Ode a trivialidade | 30Set2017 02:00:39

Publicado por: Diana Balis

20170929_182925.jpgOde a trivialidade 

Diana Balis

Senti no trovão do dia a rivalidade

Medo que evade a Cidade de reféns.

No horizonte desapego do fim, nego acuidade.

Rio que transborda detritos,

Seremos a esperança de Paz e absténs?

Poeta encanta ou resmunga solidário.

Amo e recebo sucatas de corruptos,

Curas obsoletas de inaptos.

Voa o poeta arredio,

Mundo cruel no crivo de expertise.

Finca a bandeira Brasileira na catálise,

É tarde!

 

Evento da APPERJ, hoje, Fundaçao da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro. 

thumbnail.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (376)

Rio que flui. Homenagem a Ferreira Gullar | 29Set2017 13:25:33

Publicado por: Diana Balis

Gullar.2013.jpg Rio que flui

O riso escorre lento
Nas águas verdes da terra
A Floresta da Tijuca verte num breve adeus
Em passagem de bichos serenos
O fluir é suave gosto.
Veja como entre as pedras e o banho
Pássaros escondem os ninhos
O vento assobia e vai tarde…
Mas é cedo para se viver um breve adeus.

Ferreira Gullar (Homenagem)                                                Gisele Lemos

 



Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (384)

Somos filhos de quem? | 13Ago2017 18:54:32

Publicado por: Diana Balis

Somos filhos de quem?

Filhos da rua, filhos de erros, filhos das mães sem os pais, filhos dos filhos de outros, tantos descuidos, e filhos amados ou rejeitados, filhos queridos, filhos da luta, filhos dos filhos, e pais de todos os filhos, o Pai-nosso que estais no céu e por Deus, Pai de todos, vamos ter filhos, e sermos Pais responsáveis para termos um Feliz dia de Pai, e conosco, todos os Filhos da anarquia.
Diana Balis

Lançamento do cd Priscila Marchon | 13Ago2017 18:16:13

Publicado por: Diana Balis

unnamed_1.pngPriscila Marchon

por: João Carlos Leal

Silêncio e solidão. É a partir desses dois ingredientes que Priscila Marchon elabora sua música. São sete composições prontas, além de vários rabiscos para organizar. Cinco delas estão no seu primeiro CD, Clareia, nome da música de trabalho que gravou ao lado do rapper Mahal Reis (filho do cantor e compositor Luiz Melodia). Fruto do casamento de um contador com uma costureira, Priscila bem que tentou seguir o caminho da mãe, das tias e de tantas outras mulheres de Nova Friburgo, e se dedicar ao ramo de confecção de lingeries. Mas seu coração não pulsava no ritmo das máquinas. Falou mais alto seu amor pela música, que os próprios pais semearam quando, ainda criança, pagaram as primeiras aulas particulares. Há três anos, Priscila  de sua arte. Canta em bares, hotéis, festas, casamentos. Apaixonada por MPB, tem uma queda especial pelo romantismo, seja no forró ou no samba. Com seu primeiro CD planeja alçar voos mais altos e levar sua voz, suas composições e as releituras que faz de grandes ícones da MPB, para todo o país, e além.

 

 

 

 

 

 

Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (307)

Oficina de Teatro Graco no Centro de Artes Calouste Gulbenkian | 21Jul2017 19:32:54

Publicado por: Diana Balis

19415861_10207866274809448_1735455042_n.pngAcontecem as Oficinas de Teatro Graco no Centro de Artes Calouste Gulbenkian, Rio de Janeiro. Grátis.

Alunos da Oficina integrarão o espetáculo que estreará dia 11 de agosto as 20h. Imperdível!

19601139_820020604830159_3034340793364086142_n.jpgDiretores Denilson Graco e Alex Amorim com o elenco:
Luisa Linhares 

Tuca Muniz 

Thamiris Dias

Francisco Bernardino

Rosana Pio

Lene Ras

Camélia Pinheiro

Henrique Machado

Brunna Bal

Bruno Lubryart

Gisele Lemos

Alice Serrano

Flávio Agilis

Jonatahs Reis

Alana Mariano

Elyan Lopes

Wemerson Rismo

Jorge Cabral

Leo Massukato

 

Ler mais | Comentários (0) | Visualizações (438)

1 a 55 de 6213 Primeiro | Anterior | Seguinte | Último |
Participa

Insere o mail e confirma


Email:
Ciclos de Poesia
MIL

movimentolusofono
Painel controlo
  • Email:
  • Palavra-passe:
  • Lembrar dados
  • Ir administraçào


Membros Klub
Últimas Galeria
E também
Anedotas
P: Sabem quais são os apelidos ideais para um taxista????
R: Passo Dias Aguiar.
Sondagens
O autor do livro "Canário"
José Ary dos Santos
António Lobo Antunes
Flávio Lopes da Silva
Elisa Cruz
Rodrigo Guedes de Carvalho
Visitem:
Concurso
©2018, BlogTok.com | Plataforma xSite. Tecnologia Nacional